Ir para o conteúdo

TIE-Brasil

Voltar a TIE-Brasil
Tela cheia Sugerir um artigo

RodapéNews - 1ª Edição, 27/10/2012, Sábado

26 de Outubro de 2012, 22:00 , por Desconhecido - 0sem comentários ainda | No one following this article yet.
Visualizado 143 vezes

(informações de rodapé e outras que talvez você não tenha visto)

 

Compilado por Paulo Dantas

 
2º TURNO ELEITORAL
 
CRIMES ELEITORIAIS PRATICADOS PELA CAMPANHA DO CANDIDATO SERRA VIRAM CASO DE POLÍCIA
 
CAMPANHA DE SERRA CRIOU SITE FALSO DE HADDAD
Yahoo / Estadão
Site falso de Haddad foi criado em empresa da campanha de Serra
A provedora de internet GVT informou nesta sexta-feira, 26, que o site "Propostas Haddad 13", que imitava a linguagem visual usada pela campanha do candidato do PT à Prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad, mas continha apenas críticas ao petista, foi criado pela Soda Virtual, empresa contratada pela candidatura de José Serra (PSDB), por R$ 250 mil reais, para prestar serviços de "criação e inclusão de páginas na internet".
O site não identificava sua autoria e foi retirado do ar na última sexta-feira, 19, por decisão da Justiça Eleitoral, após pedido dos advogados de Haddad. Para o juiz Henrique Harris Júnior, da 1.ª Zona Eleitoral, as mensagens contidas na página eram "passíveis de enquadramento, em tese, como ofensivas e sabidamente inverídicas, até mesmo com o emprego de imitação das fontes, cores e símbolos utilizados na sua campanha (de Haddad)"
 
R7
PT entra na Justiça contra Serra e empresa contratada pelo PSDB que fez site falso de Haddad
A campanha do candidato do PT a prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, entrou nesta sexta-feira (26) na Justiça contra a Soda Virtual — empresa contratada pela campanha de José Serra (PSDB) — por ter criado um site falso que imitava a linguagem visual utilizada por Haddad em sua página na internet.
A representação apresentada ao TRE (Tribunal Regional Eleitoral) também pede que a Justiça notifique o próprio candidato tucano e sua coligação e que seja investigada a ocorrência de crime eleitoral no caso
 
TROCA DE VOTO POR CASA
RBA
MP pedirá inquérito sobre entidade que condiciona casa própria a voto em Serra
Associação ligada ao vereador Gilson Barreto (PSDB) diz que moradia popular depende de voto no candidato tucano em São Paulo no próximo domingo
 
ASSESSOR DE SERRA ARMOU ESQUEMA PARA DIVULGAÇÃO DA FALSA NOTÍCIA DO CANCELAMENTO DO ENEM
Terra
MEC pede que PF investigue boato sobre cancelamento do Enem
O Ministério da Educação (MEC) pediu ao ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, que a Polícia Federal abra investigação sobre boatos que circularam nas redes sociais de que o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano teria sido cancelado.
Fontes do MEC disseram ter "convicção" de que a informação falsa partiu de Eden Wiedemann, integrante da equipe de mídias sociais da campanha de José Serra (PSDB) à Prefeitura
 
Estadão
MEC acusa assessor de Serra por boato sobre cancelamento do Enem
O Ministério da Educação (MEC) pediu ao ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, que a Polícia Federal abra investigação sobre boatos que circularam nas redes sociais de que o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano teria sido cancelado. Fontes do MEC disseram ter "convicção" de que a informação falsa partiu de Eden Wiedemann, integrante da equipe de mídias sociais da campanha de José Serra (PSDB) à Prefeitura.
Uma reportagem de 2009 do jornal O Globo sobre o cancelamento também foi disseminada nessa quinta no Facebook.
O publicitário postou no Twitter às 20h11 de quarta-feira, 24, a mensagem "Vai Haddad!!! MEC confirma cancelamento das provas do Enem", seguido de um link para uma reportagem de 2009 do Portal Terra que anunciava o cancelamento da prova. Na época, o ministro da Educação era Fernando Haddad (PT), hoje adversário de Serra em São Paulo.
No início da tarde desta quinta-feira, 25, o site do MEC teve um volume de tráfego anormal, com mais de 1 milhão de acessos - a média mensal é de 20 milhões.
O ministério encaminhou ao diretor-geral da PF, Leandro Daiello, cópias dos posts de Wiedemann. A expectativa no MEC é a de que o publicitário seja procurado nesta sexta-feira, 26, pela polícia
 
MAIS BAIXEZAS DOS TUCANOS
 
Viomundo 
Robôs ligam para casa de eleitores atacando Haddad
Na tarde desta sexta, robôs começaram a disparar ligações para atacar o candidato Fernando Haddad (PT), desqualificando e mentindo sobre as suas propostas. Alguns leitores nos alertaram sobre isso. Checamos. E confirmamos. Isso está acontecendo especialmente nos bairros da periferia, como Penha, Itaquera e Cidade A.E. Carvalho, na Zona Leste da capital
 
Viomundo
Jefferson Santana: “A propaganda do Serra está usando minha imagem e voz sem autorização”
“Usar eleitoralmente a minha imagem, sem autorização, para um candidato que representa tudo o que eu não quero para São Paulo é muito jogo sujo”, revolta-se Jefferson. “Nunca imaginei que o esquema do Serra chegasse a tanta baixaria. É falsidade ideológica. É crime eleitoral.”
 
DESEMPENHO FRACO DE SERRA É DESPRESTÍGIO PARA PSDB
 
Estadão
Tucano sairá da eleição 'menor do que entrou', afirma Chalita
O candidato derrotado à Prefeitura de São Paulo e deputado federal Gabriel Chalita (PMDB) afirmou ontem em entrevista ao Estado que o tucano José Serra, candidato no 2.º turno, "sairá menor do que entrou na campanha", em especial porque insistiu em "temas lamentáveis" para uma eleição. "Ficou discutindo kit gay, ou então a falácia de que o (Fernando) Haddad (candidato do PT à Prefeitura paulistana) vai acabar o convênio com as creches."
Chalita também criticou a forma como Serra abordou o julgamento do mensalão. "A tentativa de associar isso ao Haddad é injusta."
 
DEBATE DA GLOBO
CA
Haddad trucida Serra na Globo
A Globo testemunhou o eclipse da “elite da elite” dos tucanos. E a ascensão de um novo líder petista.
Trucidou no capítulo Kassab, herdeiro de Cerra, que não fez os 150 corredores de ônibus que prometeu, não construiu os três hospitais que prometeu.
Haddad imprensou Cerra na questão da segurança, que, no coronelato tucano levou a uma epidemia de homicídios: 20 mortes em 24 horas.
Cerra começou a engolir saliva e a tremer a mão direita quando Haddad pressionou sobre a lastimável incompetência tucana na construção do metrô.
Haddad lembrou que a cada eleição os tucanos prometem obras do metrô que, depois da eleição, adiam.
É o caso da Linha 6, que foi prometida, não está licitada e passou a ser prometida para 2019.
E não adianta enrolar, porque o pessoal da Brasilândia sabe, disse Haddad.
Aí, Cerra usou o que poderia ser a bala de prata.
Pediu a Haddad para explicar por que os petistas foram condenados pelo mensalão no Supremo.
Haddad respondeu: talvez você saiba explicar melhor, porque o mensalão começou com os tucanos de Minas e será julgado.
No capítulo Educação, Haddad se permitiu dizer que Educação não é a raia do Cerra e deu uma breve aula.
Depois, quando Cerra disse que Haddad estava nervoso, Haddad explicou que estava, na verdade, indignado.
Porque Cerra diz na campanha o que a cidade não vive na vida real: “tua propaganda não reflete a vida da cidade”.
Saiba mais
[Para o leitor: Cerra com "c, grafado por PHA,  é o mesmo Serra com "s"]
 
A Gazeta
Na liderança, Haddad ironiza propostas de Serra em debate; tucano diz que mensalão custou "400 AMAs"
Último da eleição municipal, mostrou o candidato do PT à Prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad, mais confortável para ironizar o adversário José Serra (PSDB)
 
Valor
Último debate em São Paulo é tenso, tem mensalão e Kassab na pauta
No cômputo geral, Haddad conseguiu deixar o oponente em situação delicada ao colocá-lo como sócio da mal avaliada gestão do prefeito Gilberto Kassab (PSD). O tucano botou o oponente petista nas cordas ao lembrar o julgamento da ação penal do mensalão, que condenou vários petistas. Em assuntos de grande porte como transportes e saúde, Serra e Haddad apresentaram seus planos e trocaram farpas, mas se equivaleram
CONFIRMADA VITÓRIA DO PT E DE  HADDAD EM SP, AMBOS SAEM FORTALECIDOS  DESTA ELEIÇÃO
 
IstoÉ
Haddad fura fila no PT
A apuração das urnas da capital paulista, no domingo 28, deve transformar o ex-ministro da Educação Fernando Haddad na mais nova estrela do Partido dos Trabalhadores. Mantida a tendência das pesquisas de intenção de voto que colocam o candidato petista à Prefeitura de São Paulo com uma vantagem de 14 a 20 pontos à frente do tucano José Serra, Haddad sairá da eleição como uma das lideranças mais importantes da legenda no principal colégio eleitoral do Brasil. Escolhido como candidato pelo ex-presidente Lula, que recomendava “uma cara nova” para o PT paulista, Haddad torna-se automaticamente uma figura de proa do partido nas negociações políticas para 2014. Ele vai administrar um orçamento anual de R$ 42 bilhões e uma cidade com 8,6 milhões de eleitores. Com essa posição, será uma voz poderosa tanto na estratégia do PT de reeleger Dilma Rousseff quanto na de tentar colocar fim a duas décadas de comando do PSDB no governo do Estado. “Com o mensalão, o PT derrubou uma geração de políticos, principalmente em São Paulo. Haddad representa um novo grupo que veio para ocupar esse espaço. São Paulo é a maior vitrine do País. Naturalmente, quem consegue êxito na administração da cidade vira um jogador importante no cenário nacional e se cacifa para voos mais altos”, avalia o cientista político Leonardo Barreto, da Universidade de Brasília (UnB).
 
HORA DE COLOCAR SÃO PAULO NOS TRILHOS: POR  UMA CIDADE MAIS JUSTA, HUMANA E SOLIDÁRIA
 
CartaMaior
O resgate de São Paulo -  por Emir Sader
São Paulo, uma das cidades mais extraordinárias do mundo, se tornou uma cidade triste, cinzenta, cruel, de exclusão, de discriminação, de intolerância. Tornou-se a cidade mais injusta do Brasil, pela brutal polarização entre a mais desenfreada riqueza e os maiores polos de pobreza, de miséria, de abandono do Brasil. A isso ficou reduzida nossa querida São Paulo nas mãos da sua elite e dos partidos que a representam.
Chegou a hora, as condições estão dadas, se juntam as prementes 
necessidades com as excelentes perspectivas. Vamos, todos ao resgate de São Paulo. Essa cidade carece e merece esse resgate. O povo paulistano necessita. O Brasil precisa de uma São Paulo justa, humana, solidária. Vamos ganhar para realizar, juntos o resgate de São Paulo
 
REIVINDICAÇÕES DA "BRIGADA MIGUEL BATAGLIA"
 
Nassif
CONSIDERADO FICHA SUJA, CELSO GIGLIO (PSDB) TEVE O INDEFERIMENTO INICIAL DE SUA CANDIDATURA CONFIRMADO PELA JUSTIÇA ELEITORAL
 
G1
Justiça Eleitoral decreta vitória de candidato do PT em Osasco
Lapas foi beneficiado com impugnação da candidatura de Celso Giglio.
Petista recebeu mais de 138 mil votos (60% dos válidos) no 1º turno
 
EMPATE TÉCNICO EM CAMPINAS (SP) & APOIO DE MARINA SILVA AO CANDIDATO POCHMANN
 
Terra
Pesquisa: diferença entre candidatos em Campinas é de um ponto e meio

A julgar pelas últimas pesquisas de intenção de votos, o 2º turno das eleições para prefeito em Campinas está indefinida com os dois candidatos, Jonas Donizette (PSB) e Márcio Pochmann (PT), empatados tecnicamente com uma diferença de meio ponto. Na pesquisa do instituto UP, encomendada pelo jornal Todo Dia e divulgada nesta sexta-feira (26), Donizette tem 42,5% dos votos e Pochmann 41%.

 
RAC
Vídeo: Marina Silva reforça apoio a Pochmann em evento do PT
 
COMPRA DE VOTOS & FILMAGEM DENTRO DA CABINE DE VOTAÇÃO
 
Gazeta do Povo
Justiça Eleitoral apura denúncias de compra de votos em Birigui
A Justiça Eleitoral vai apurar denúncias de suposta compra de votos e outras irregularidades que teriam ocorrido nas eleições municipais de Birigui, na região noroeste do estado de São Paulo a 507 km da capital.
De acordo com a Polícia Civil, tinham sido registrados, até a manhã desta sexta-feira (19), 17 boletins de ocorrência acerca das supostas irregularidades. Os documentos foram encaminhados à Justiça Eleitoral que, por sua vez, os remeteu para a análise do Ministério Público Eleitoral
 
Folha
Prefeito de Franca (SP), Sidnei Rocha (PSDB) é denunciado por crime eleitoral
O prefeito de Franca (400 km de São Paulo), Sidnei Franco da Rocha (PSDB), foi denunciado pela Promotoria ao TRE (Tribunal Regional Eleitoral) por suposto crime eleitoral.
De acordo com o promotor eleitoral Claudemir de Oliveira, o prefeito permitiu que fosse filmado dentro da cabine de votação no primeiro turno, o que é proibido pela lei eleitoral.
As imagens foram divulgadas no programa eleitoral de Alexandre Ferreira (PSDB), que disputa o segundo turno
 
PESQUISAS ELEITORAIS EM XEQUE  
 
O "JÁ GANHOU" SÓ APÓS A APURAÇÃO
 
Reuters
Dinâmica de eleição municipal afeta precisão de pesquisas, dizem analistas
BRASÍLIA, 26 Out (Reuters) - As pesquisas de intenção de voto não podem ser encaradas como uma antecipação do resultado nas urnas, principalmente nas eleições para prefeituras, uma vez que a rápida disseminação de informações no âmbito municipal pode provar mudanças repentinas na opinião do eleitorado, alertaram especialistas.
A velocidade em que o eleitorado muda de opinião ganha força em disputas locais, tornando mais difícil que os números apontados pelas pesquisas de intenção de voto se reflitam no resultado final
 
MONOPÓLIOS DA INFORMAÇÃO
 

COM DIREITA EM CRISE, MÍDIA VIRA PARTIDO POLÍTICO

 
Escrevinhador
Monopólios midiáticos na América Latina - por Fernando Arellano Ortíz
“Não há erro: os meios de comunicação simplesmente são grandes conglomerados empresariais que têm interesses econômicos e políticos. Na América Latina, os monopólios midiáticos têm um poder fenomenal que vêm cumprindo na função de substituir os partidos políticos de direita que caíram em descrédito e que não têm capacidade de chamar a atenção nem a vontade dos setores conservadores da sociedade. Assim o politólogo e cientista social argentino Atilio Boron caracteriza a denominada canalha midiática.
Nesse sentido, explica, “cumpre-se o que muito bem profetizou Gramsci há quase um século, quando disse que diante da ausência de organizações da direita política, os meios de comunicação, os grandes diários, assumem a representação de seus interesses; e isso está acontecendo na América Latina. Em praticamente todos os países da região, os conglomerados midiáticos converteram-se em “operadores políticos
 
SHOWMÍCIO DO MENSALÃO
 
ANTES DE ASSUMIR PRESIDÊNCIA DO STF, JOAQUIM BARBOSA É QUESTIONADO POR SEUS PARES POR DECLARAÇÕES
 
Estadão
Colegas questionam atuação de Barbosa no plenário do STF
Antes de assumir o comando da Corte, relator do mensalão faz críticas ao sistema judicial do País e protagoniza bate-bocas
Eleito presidente da cúpula do Judiciário, o ministro Joaquim Barbosa assume o comando do Supremo Tribunal Federal com duas declarações que já provocaram incômodo entre os colegas durante sessões do mensalão, do qual ele é relator. Logo após ser eleito presidente, afirmou que compete ao Legislativo, não ao Judiciário, solucionar um dos maiores problemas da Justiça brasileira: a morosidade.
Na mais recente, durante a sessão de quarta-feira, afirmou que o sistema penal brasileiro é "risível", repetindo crítica feita pela imprensa americana.
Essa última declaração foi classificada como "autofágica" por um dos integrantes da Corte. Outro ministro afirmou que Joaquim Barbosa deu um "tiro no pé" ao criticar o sistema judicial do qual ele faz parte e presidirá a partir de novembro
 
ALÉM DO STF, PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA (PGR) TAMBÉM SE COMPORTA COMO PARTIDO POLÍTICO: CONSPIROU CONTRA REELEIÇÃO DE LULA E CONTINUA FUSTIGANDO O PT
 
CONTRA REELEIÇÃO DE LULA EM 2006
Folha
Absolvido do mensalão, Adauto critica procurador-geral
O ex-ministro dos Transportes e prefeito de Uberaba (MG), Anderson Adauto --absolvido pelo STF (Supremo Tribunal Federal) de dois crimes do mensalão--, afirmou ontem que sempre confiou na Justiça e que teve o seu governo "duramente investigado".
Ele quebrou o silêncio desde o início do julgamento do caso e disse ontem que o procurador-geral Roberto Gurgel ofereceu a denúncia para prejudicar a candidatura à reeleição do ex-presidente Lula
 
"SOB SEGREDO DE JUSTIÇA", PGR PEDE AO STF A APREENSÃO DE PASSAPORTES DOS CONDENADOS
Folha
Procuradoria quer que condenados no mensalão não saiam do país
O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, requisitou esta semana ao STF (Supremo Tribunal Federal) que determine a apreensão dos passaportes de todos os 25 condenados no julgamento do mensalão para evitar que eles deixem o país.
O pedido, que está sob segredo de Justiça, chegou ao tribunal na última quarta-feira (24) e está no gabinete do relator do processo, ministro Joaquim Barbosa
 
ROBERTO GURGEL É UM "PODRE" - SERIA SALUTAR PARA QUEM?
iG - 03/10/2012
'Seria salutar influência de mensalão nas urnas', diz Procurador-Geral
O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, afirmou em entrevista coletiva no Supremo Tribunal Federal (STF) que seria “salutar” uma influência do julgamento do mensalão  no primeiro turno das eleições municipais deste ano, que acontece no próximo domingo (07) [e extensiva ao 2º turno eleitoral que acontece neste domingo, 28/10]
 
OUTRAS NOTÍCIAS DE SÃO PAULO
 
ONDA DE VIOLÊNCIA ASSUSTADORA & TOQUE DE RECOLHER
 
NAS ÚLTIMAS 24h
Folha
Em 24 horas, 20 pessoas são mortas em SP; Osasco tem toque de recolher
Um dia após anunciar o aumento de homicídios no Estado e depois de uma noite sangrenta na capital e na Grande São Paulo, o secretário da Segurança Pública, Antonio Ferreira Pinto, disse que a alta da violência é uma "onda".
Em menos de 24 horas, foram registrados ao menos 20 assassinatos na cidade e na Grande São Paulo (incluindo suspeitos em confrontos com a PM) na região --mais que o triplo da média diária de seis assassinatos registrada neste ano.
Em Osasco, o comércio no centro e em mais quatro bairros baixou as portas por temor de violência, após informações sobre toque de recolher determinado por criminosos. Para o governo, foram boatos sem fundamento
 
TOQUE DE RECOLHER INFORMAL
Yahoo / Estadão
Boatos de toque de recolher fecham comércio em SP
Depois de mais 15 mortes em menos de 24 horas na Grande São Paulo, boatos de toque de recolher e medo de represálias de criminosos fizeram comerciantes fecharem as portas mais cedo ontem em áreas da capital e de Osasco. Empresas também liberaram funcionários antes do fim do expediente e pelo menos uma instituição de ensino cancelou as aulas
 
GUERRA NÃO DECLARADA
Estadão
Escalada da violência em SP
 
MAIS UMA NOITE VIOLENTA
Folha
Em noite violenta, 11 pessoas morrem e Grande SP tem 12ª chacina
Ao menos 11 pessoas morreram e três ficaram feridas entre o final da noite desta sexta-feira (26) e a madrugada do sábado (27) na Região Metropolitana de São Paulo
 
AÇÃO DESASTRADA DA DUPLA ALCKMIN & KASSAB CRIOU MINICRACOLÂNDIAS EM SP
IstoÉ
Dependência do crack: um questão social e de saúde pública antes de ser um problema criminal
 
JT
Minicracolândia na Paulista
Uma minicracolândia se formou em uma das áreas mais nobres da capital, sob o Viaduto Okuhara Koei, que liga a Rua da Consolação à Avenida Doutor Arnaldo, região da Paulista. Entre os vizinhos, o clima é de medo e impotência.
Nos últimos dias, o JT constatou a presença de pelo menos 15 pessoas que, sozinhas ou em pequenos grupos, atravessam ruas e avenidas correndo no meio dos carros e abordam pedestres para pedir dinheiro
 
KASSAB "BONZINHO" COM SERVIDORES
Folha
Presente eleitoral Gilberto Kassab antecipará o pagamento dos salários dos cerca de 230 mil servidores da prefeitura paulistana para amanhã, dois dias antes do segundo turno. Os recursos normalmente caem nas contas dos funcionários no último dia útil do mês --portanto, na próxima quarta-feira. Aliado e articulador político de José Serra, o prefeito argumenta que a antecipação, válida para ativos, aposentados e pensionistas, será paga para celebrar o Dia do Servidor Público, que é no domingo.
Calendário A prefeitura afirma que houve antecipações similares de salários em 2004, 2007, 2008, 2009 e 2011
Estas e outras notas do Painel da Folha desta quinta
 
INTERNACIONAL
 
BERLUSCONI: PROSTITUIÇÃO DE MENORES & FRAUDE FISCAL
Nassif

Berlusconi pode pegar até 15 anos de cadeia em processo de prostituição de menores

http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/berlusconi-pode-pegar-ate-15-anos-de-cadeia

 

Reuters

Berlusconi é condenado à prisão por fraude fiscal

MILÃO, 26 Out (Reuters) - O ex-primeiro-ministro italiano Silvio Berlusconi foi condenado nesta sexta-feira a quatro anos de prisão por fraude fiscal num caso de compra de direitos de transmissão de sua emissora de televisão Mediaset

http://br.reuters.com/article/topNews/idBRSPE89P05J20121026

 
 
PESQUISA DATAFOLHA: HADDAD, 58% X SERRA, 42%: PT DEVE REDOBRAR VIGILÂNCIA E INTENSIFICAR FISCALIZAÇÃO DA ELEIÇÃO NESTE DOMINGO
 
Folha - 27/10/2012
Haddad será eleito prefeito de SP neste domingo, mostra Datafolha
O candidato do PT à Prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad, deve vencer a eleição neste domingo (28). Pesquisa Datafolha concluída hoje, véspera da votação, mostra o petista 16 pontos à frente, com 58% dos votos válidos, ante 42% do tucano.
No cálculo dos votos válidos são excluídas as respostas de quem diz que votará em branco, nulo e eleitores indecisos. Esta é a forma que a Justiça Eleitoral divulga o resultado final da eleição.
A pesquisa de hoje mostra uma pequena variação em relação ao levantamento anterior, divulgado na quarta-feira (24) --Haddad tinha 60% dos votos válidos e Serra aparecia com 40%.
 

Fonte: Castor Filho

0sem comentários ainda

    Enviar um comentário

    Os campos realçados são obrigatórios.

    Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.

    Cancelar